Clicky

Seaborn adota Infinera na rede submarina AMX-1 conectando EUA e Brasil

Da redação ... 22/10/2020 ... Convergência Digital

A Seaborn Networks (Seaborn), uma operadora de sistemas de cabos óticos submarinos, e a Infinera lançaram novos serviços de redes submarinas no sistema de cabos AMX-1 da Seaborn, conectando os Estados Unidos e o Brasil. Impulsionado pelas plataformas de rede submarina da série XT da Infinera, com a tecnologia do mecanismo de capacidade infinita (Infinite Capacity Engine - ICE), a nova rede da Seaborn apresenta arquitetura modernizada e eficiência espectral de primeira classe, permitindo à empresa contornar de forma ótica as estações de chegada de cabos e reduzir os custos de rede.

A economia global depende fortemente da conectividade ininterrupta de dados, que é alimentada pela crescente demanda de largura de banda e aplicativos intensivos para ela, tais como serviços baseados em nuvem. Para atender às necessidades globais de largura de banda nas Américas, a Seaborn opera dois sistemas de cabo líderes, Seabras-1 e AMX-1, ambos impulsionados por soluções da Infinera.

O sistema de cabos AMX-1 da Seaborn fornece transporte, linha privada Ethernet e serviços IP em um caminho geograficamente diverso de seu cabo Seabras-1, conectando o Rio de Janeiro e Jacksonville, Flórida, para oferecer a seus clientes serviços de conectividade de alta capacidade e baixa latência.

"Nosso relacionamento de longa data com a Infinera e esta colaboração nos permitiram atender de uma forma mais rentável às crescentes demandas de capacidade de nossos clientes com soluções confiáveis e de baixa latência, desenvolvidas especialmente para o transporte submarino", afirma Paul Cannon, vice-presidente de Engenharia e Operações da Seaborn.

A Seaborn opera o sistema de cabo submarino Seabras-1 , conectando o Brasil aos Estados Unidos com a menor latência e maior confiabilidade entre vários POPs (pontos de presença) em São Paulo, Rio de Janeiro e a área metropolitana de Nova York.


Internet Móvel 3G 4G
Receita tem novo app que permite MEI pedir restituições pelo celular

Pelo APP MEI, que está disponível nas lojas Apple (App Store) e Android (Play Store), também será possível consultar o histórico de restituições e a situação atual de cada pedido realizado pelo contribuinte.

Algar substitui Claro no 0800 do Ministério da Economia

Contrato de R$ 28,7 mil tem validade inicial de um ano, até o final de 2021. 

Minicom cede Artur Coimbra para ser corregedor da ANPD

O secretário de radiodifusão, Max Martinhão, acumula interinamente a Secretaria de Telecomunicações. Segundo a pasta, ainda não há novo nome para substituir Artur Coimbra.

Abinee: Diferença de custo entre migração e mitigação no 5G é menor do que apontam teles

Estudo indica valores semelhantes aos projetados pela Anatel, de R$ 1,1 bilhão para o uso de filtros e R$ 1,8 bilhão para mudança da recepção de antenas para a banda Ku.

Anatel apreende 15 mil carregadores de celulares na 25 de Março, em São Paulo

Equipamentos não homologados foram avaliados em R$ 180 mil e foram recolhidos em um único distribuidor. Outros 11 mil carregadores foram apreendidos em três operações durante o mês de novembro.




  • Copyright © 2005-2020 Convergência Digital
  • O Portal Convergência Digital é um produto da editora APM LOBO COMUNICAÇÃO EDITORIAL LTDA - CNPJ: 07372418/0001-79
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G