Clicky

Huawei defende reserva de 500 MHz da faixa de 6GHz para as teles

Por Ana Paula Lobo e Pedro Costa ... 31/07/2020 ... Convergência Digital

A Huawei defende que a faixa de 6GHz, com 1,2 GHz de espectro, não seja 100% destinada para os serviços não licenciados. A fabricante defende a reserva de 500 MHz para a oferta de serviços licenciados a serem decididos mais à frente.

"Se dermos toda a faixa agora para não licenciados, depois não temos como recuperar. A nossa posição é deixar 500 Mhz da parte superior do espectro para uma decisão futura, até para entender a evolução da tecnologia", afirmou Carlos Lauria, Diretor de Relações Governamentais e Assuntos Regulatórios da Huawei, ao participar do eForum Wi-Fi 6, realizado nesta quinta-feira, 30/07, pelo Convergência Digital e pela Network Eventos.

Segundo ele, não há uma certeza que o 5G não licenciado vá ter as mesmas características do 5G licenciado, em especial, de latência. "Ainda há muito por se definir para o 5G não licenciado", ressaltou. Lauria também lembrou que, hoje, o Wi-Fi é usado porque o consumidor não quer gastar seu plano de dados. Mas com o 5G, os planos serão diferenciados e o que vai valer são a latência, mais do que o gasto do consumo de dados.

"O Wi-Fi tem uma grande demanda porque as pessoas não querem extrapolar seus pacotes de dados, mas isso vai mudar", diz. Assistam a participação de Carlos Lauria, da Huawei, no eForum Wi-Fi 6.

Veja abaixo a íntegra do evento.


Internet Móvel 3G 4G
Operadoras abraçam Open RAN aberto, mas cobram financiamento da União Europeia

Telefónica, Deutsche Telekom, Orange e Vodafone assinaram um acordo para promoção de redes de acesso abertas e interoperáveis (Open RAN), mas pedem recursos para ter implantação massiva a partir de 2022.

Minicom cede Artur Coimbra para ser corregedor da ANPD

O secretário de radiodifusão, Max Martinhão, acumula interinamente a Secretaria de Telecomunicações. Segundo a pasta, ainda não há novo nome para substituir Artur Coimbra.

Abinee: Diferença de custo entre migração e mitigação no 5G é menor do que apontam teles

Estudo indica valores semelhantes aos projetados pela Anatel, de R$ 1,1 bilhão para o uso de filtros e R$ 1,8 bilhão para mudança da recepção de antenas para a banda Ku.

Anatel apreende 15 mil carregadores de celulares na 25 de Março, em São Paulo

Equipamentos não homologados foram avaliados em R$ 180 mil e foram recolhidos em um único distribuidor. Outros 11 mil carregadores foram apreendidos em três operações durante o mês de novembro.

TIM: dizer que 5G DSS não é o 5G é obrigatório para não queimar a tecnologia

Operadora informa que vai ter o 5G DSS em 12 capitais para testes em bairros, mas sustenta que a transparência é crucial. "O 5G DSS tem latência do 4G", afirma o CTIO, Leonardo Capdeville. Nas capitais, o 5G DSS será exclusivo para mobilidade. O acesso banda larga fixa - FWA - continuará em piloto.




  • Copyright © 2005-2020 Convergência Digital
  • O Portal Convergência Digital é um produto da editora APM LOBO COMUNICAÇÃO EDITORIAL LTDA - CNPJ: 07372418/0001-79
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G