GOVERNO » Compras Governamentais

TCU investiga contratos de TI de empresa que derrubou presidente do INSS

Convergência Digital* ... 25/05/2018 ... Convergência Digital

O Tribunal de Contas da União vai auditar contratos públicos firmados com a RSX Informática, depois que a contratação da empresa pelo INSS se tornou suspeita e resultou na demissão de seu presidente, Francisco Lopes. Ele teria insistido na contratação por R$ 8,8 milhões, apesar de parecer contrário da área técnica.

Com a divulgação do contrato pelo jornal O Globo, o INSS anunciou ter cancelado a contratação, assinada em abril. Mas o TCU identificou que já foi pago pelo menos R$ 4 milhões. Segundo o ministro Augusto Sherman, autor da proposta de investigação pela Corte de Contas, o caso é semelhante a outra contratação, feita pela Embratur.

“No âmbito do Instituto Brasileiro de Turismo constam relatos de que os servidores da área de tecnologia da informação teriam sido pressionados a aprovar a contratação da RSX Informática, mesmo sendo desnecessária sob o ponto de vista técnico”, indicou o ministro do TCU.

Segundo o TCU, a fiscalização vai apurar a atuação dos gestores e demais participantes do pregão eletrônico, além dos órgãos que aderiram à ata de registro de preços. Será verificada a idoneidade de um atestado de capacidade técnica emitido pelo Ministério do Trabalho em favor da RSX e a própria necessidade da contratação, assim como, a efetiva utilização do software que seria adquirido, incluindo a avaliação quanto à ocorrência de ato antieconômico.

* Com informações do TCU


Painel Telebrasil 2019
A 63ª edição do principal encontro institucional de lideranças do setor de telecomunicações e TICs acontecerá entre os dias 21 e 23 de maio de 2019, em Brasília. Saiba mais em paineltelebrasil.org.br
Veja o vídeo

Governo faz pregão para digitalizar 1,2 milhão de pastas funcionais

Com a iniciativa, estima-se reduzir de 35 para 2 minutos o tempo médio de acesso e localização de documentos, além de aumentar a confiabilidade das informações acessadas. O valor estimado é de R$ 53,6 milhões e o pregão está marcado para o dia 16 de outubro.

BNDES volta a financiar software e serviços de TI com BNDES 10

Suspenso em 2016 quando completava 20 anos, o programa ProSoft ganha nova roupagem e retoma a concessão de verbas para empresas com faturamento entre R$ 1 milhão e R$ 10 milhões. Iniciativa deverá ser anunciada até o final do ano.

FINEP vai conceder crédito para empresas comprarem software e serviços

FINEP Soft é voltada para as empresas comprarem software e serviços e beneficia quem adquirir tecnologia nacional, adianta o diretor de Planejamento, Márcio Girão.

Governo sozinho não faz a transformação digital no Brasil

Diretor de Ciência, Tecnologia e Inovação Digital do MCTIC, José Gontijo, garante que o período eleitoral não interrompeu as ações da estratégia brasileira de transformação digital, mas adverte. "O Governo é facilitador. A iniciativa privada faz acontecer. Os dois precisam andar juntos".

Órgãos públicos centralizam atendimento de ouvidorias em um único portal

Novo Decreto obriga a integração dos canais de atendimento de todos os órgãos da administração federal direta. Atualmente existem 386 unidades de ouvidorias federais. A governança ficará com a Controladoria Geral da União.



  • Copyright © 2005-2018 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G