Home - Convergência Digital

Área técnica da Anatel debate pontos polêmicos de Internet das Coisas

Convergência Digital - Carreira
Convergência Digital* - 04/12/2017

Ao participar do 31º semininário Internacional da ABDTIC, realizado nos dias 07 e 08 de novembro, o técnico da Superintendência de Regulamentação e Planejamento da Anatel, Felipe Lima, fez uma projeção da atuação da agência regulatória em áreas relevantes ao mercado, entre eles, a Internet das Coisas e o ecossistema. Um dos temas em debate é o roaming permanente.

"Ainda não temos respostas, mas precisamos conciliar o entendimento histórico (sempre foi contra essa possibilidade), ditames legais (necessidade de outorga) com a realidade tecnológica e temos até o começo do ano que vem precisamos, nós da área técnica, precisamos apresentar um trabalho", afirmou Felipe Lima. Assistam a apresentação.

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

22/03/2019
Oi testa 5G na faixa de 3,5GHz em Búzios, no Rio de Janeiro

15/03/2019
Valid: Fraudes vão continuar existindo no mercado financeiro

11/03/2019
4G da Oi leva Internet e comunicação à estação brasileira da Antártica

11/03/2019
Para Ericsson, 5G vai fazer acontecer, de verdade, a indústria 4.0

07/03/2019
5G vai gerar 15 milhões de novos empregos até 2025

27/02/2019
5G em faixa milimétrica trará pelo menos R$ 37 bilhões ao Brasil até 2024

27/02/2019
Anatel agenda leilão do 5G para março de 2020

26/02/2019
MCTIC fará mudanças no Plano Nacional de IoT

25/02/2019
Huawei: fornecedor não define política nem regra de uso da solução

09/12/2018
"O mundo precisa comprar a ideia do 5G nas áreas remotas"

Destaques
Destaques

Ecossistema de IoT movimentará R$ 38 bilhões

Projeção do mercado é que o segmento vai crescer acima de 20% ano contra ano até 2022. Dispositivos, em especial os smartphones, impulsionam o crescimento dos investimentos em TI ao longo de 2019.

Para Ericsson, 5G vai fazer acontecer, de verdade, a indústria 4.0

Presidente da fabricante para a América do Sul, Eduardo Ricotta, diz que uma operadora com 50 Mhz a 80 Mhz terá espectro para oferecer bons serviços, especialmente, o da banda larga fixa móvel. "Há cidades no Brasil, com menos de 100 mil habitantes, com conexões de 2 Mbits. O 5G vai chegar oferecendo bem mais", observa.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV
Veja mais artigos
Veja mais artigos

Smartphones colocam Inteligência Artificial na palma da mão

Por Samir Vani*

Tecnologias como reconhecimento facial, identificação de objetos e realidade aumentada já estão disponíveis na palma das nossas mãos, mas boa parte das pessoas não sabe ainda.


Copyright © 2005-2019 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site