INCLUSÃO DIGITAL

Unicef e Zenvia se unem por projeto nacional de combate à exclusão escolar

Ana Paula Lobo* ... 16/08/2017 ... Convergência Digital

No Brasil, mais de 2,8 milhões de crianças e adolescentes entre 4 e 17 anos estão fora da escola, segundo a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad), realizada em 2015. Do total, 53% são meninas e meninos que vivem em domicílios com renda per capita de até meio salário mínimo.

Para garantir o direito à educação de cada criança e adolescente, o Unicef lançou a plataforma gratuita Busca Ativa Escolar, que tem a tecnologia de SMS da Zenvia - empresa brasileira especializada em comunicação corporativa via mensagens móveis – como ferramenta para identificar a exclusão escolar e notificar o poder público municipal.

O Chefe de Educação do UNICEF no Brasil, Ítalo Dutra, afirma que a ideia é que os municípios tenham os dados e, assim, possam criar soluções para permitir que cada vez mais meninos e meninas possam frequentar a escola regularmente. "Por meio do SMS e de outras parcerias que estamos realizando, ofertamos a metodologia e a tecnologia necessárias para isso".

"O Busca Ativa Escolar também permitirá às cidades participantes ter um registro da exclusão escolar, com estatísticas para acompanhamento, utilizando a tecnologia como ferramenta de ação", acrescenta o Gerente de Tecnologia da Informação do UNICEF no Brasil, Marcelo Falcão. O SMS será o primeiro canal de ação.

Ao visitar as famílias e identificar crianças em idade escolar que estejam fora da escola, o agente comunitário enviará alerta por SMS, aplicativo e/ou site a um grupo multisetorial de profissionais que conversará com a família para entender as causas da exclusão escolar, fará a inserção da criança ou adolescente na escola e acompanhará a vida estudantil, avaliando cada situação e necessidade individualmente.

A expectativa é gerar 10.000 alertas até o fim do ano, sendo que 2.000 serão enviados por SMS. "Esta é a maneira mais rápida de fazer com que a mensagem chegue ao destinatário final. É uma tecnologia de fácil utilização e não depende do pacote de dados ou de conexão, tornando o trabalho dos agentes comunitários mais ágil e eficiente", explica Fábio Matias, diretor de Negócios Corporativos na Zenvia. O Unicef espera que a plataforma Busca Ativa Escolar esteja implantada em pelo menos 500 municípios até 31 de dezembro.

*Com informações da Zenvia

 


Carreira
Luiz Alexandre Garcia assume a presidência da ConTIC

O presidente do Conselho de Administração do Grupo Algar, Luiz Alexandre Garcia, reassume o comando da Confederação, que reúne mais de 120 mil empresas, responsáveis pela produção do equivalente a 7% do PIB brasileiro e empregam mais de 2 milhões de trabalhadores.

Audima cria ferramenta para levar conteúdo aos analfabetos digitais

A partir da própria dor, uma vez que tem dislexia, Paula Pedrosa criou a Audima, uma startup que transforma palavras em áudios. "O império da visão exclui muita gente. Nosso desafio, hoje, é mostrar que inclusão monetiza", observa a executiva.

Anatel quer saber se há interesse em investir em satélites no Brasil

Consulta pública sobre o tema recebe contribuições até 7 de setembro. Ideia é saber se há empresas que queiram prover serviço ininterrupto de capacidade satelital por cinco anos a partir de 1 de janeiro de 2021.

Sem rede e velocidade de conexão, escola rural padece para acessar à Internet

Apenas 34% das escolas possuem ao menos um computador com acesso à internet e a velocidade de conexão é baixa para permitir uso pedagógico, na faixa de 2 Mbps, revela a pesquisa TIC Educação 2018, do CGI.br.

Anatel quer BNDES como agente financeiro para usar FUST na expansão da banda larga

Agência reguladora aprovou o Plano Estrutural de Redes de Telecomunicações, o PERT. De acordo com a Anatel, 3.542 dos 5.570 municípios do país não possuem acesso à rede de fibra óptica. Agência também diz que dos R$ 20 bilhões do FUST, apenas R$ 200 mil foram aplicados no setor.

Acesso à Internet reproduz desigualdade social e econômica no Brasil

Estudo do IPEA mostra que a falta de acesso à internet repete as mesmas adversidades e exclusões já verificadas na sociedade brasileira no que tange a analfabetos, menos escolarizados, negros, população indígena e desempregados.  Homens e mulheres têm comportamento semelhantes na Web.

Google Station é plataforma de monetização para Programa WiFi Livre SP

Empresa firmou parceria com América Net e Linktel, com patrocínio do Itaú, e já conta com 80 hotspots distribuídos na capital de São Paulo.



  • Copyright © 2005-2019 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G